terça-feira, 30 de setembro de 2008

O Primeiro Aniversário



Aos 12 meses foi a festa do aniversário e do baptizado, uma grande alegria para ele que tem a casa cheia de pessoas de quem gosta muito, tios, tias, padrinho, madrinha, avós e bisas, primos, e amigos, todos juntos para festejarem o primeiro ano da vida do “bebé mais lindo do mundo”, que espanta todos quando diz que tem 1 ano e espeta o dedo indicador no nariz de quem o ouve, para não haver dúvidas.

A sua entrada na vida cristã, foi precisamente no mesmo dia – 4 de Novembro 2007. Dormiu o tempo todo enquanto o padre falou, mas assustou-se quando a água lhe molhou o cabelo, tremia nos braços da mamã num berreiro imenso sem se aperceber do que lhe estava a acontecer nem de onde estava, mas acalmou assim que reconheceu os entes mais queridos.

A Dulce foi convidada para ser madrinha do Alexandre no dia do casamento dos papás, ela que é a melhor amiga do pai desatou a chorar e maldisse a hora em que se tinha controlado durante toda a cerimónia do casamento para na altura em que foi informada da nossa vontade se desfazer em lágrimas, o Alexandre foi desde esse dia o menino dos seus olhos, mesmo antes de o conhecer, e ele retribui tendo saudades e dizendo que quer falar com ela sempre que se lembra.

O Gonçalo acreditou quando 2 anos antes uma amiga comum lançou o rumor de que eu estaria grávida porque ela queria um sobrinho, e ficou tão comovido por ir ter um bébé dentro do gang que lhe ficou prometido que seria dos primeiros a ser informado da sua vinda e que teríamos todo o gosto em tê-lo como compadre, ele chorou. Inundou o afilhado de ténis para que não lhe faltasse o gosto pelo futebol, de mimos sempre que está com ele e embora tenha um emprego com horários diferentes, sempre que lhe dizem que o Alexandre perguntou por ele tem remorsos de não passar mais tempo com o seu menino.

Foi uma festa muito animada, em que o Xani recebeu de braços abertos os amigos e a família, seduziu para a direita, encantou para a esquerda, adorou receber toda a atenção que merecia e ainda mais feliz ficou com os brinquedos imensos que recebeu de prendas.

Quando a Nônô lhe roubava os brinquedos que acabava de receber apenas encolhia os ombros, e passava a desembrulhar o próximo, sem dramas. Foi então que a mamã lhe disse: “Habitua-te meu querido, isto é tudo o que vais ter das mulheres que passarem pela tua vida, elas levam os brinquedos, o carro, a chave do carro, a alma e deixam-te de rastos, sem ter onde cair morto.” Um dia mais tarde ele vai agradecer-me a dica!

2 comentários:

vanessa disse...

Eu não lanço boatos. Faço previsões! O Xani foi um bébé muito desejado... desde cedo. E foi um bébé muito celebrado... presente até no carnaval!
P.S- Xani, quando leres isto, liga à tia. Tenho umas histórias deliciosas para te contar!

Gata2000 disse...

Mas só contas depois de ele pedir e desde que tenha mais de 18 anos!